Benvindos ao Blog da Família Luz

Queridos leitores amigos,

Nossas aventuras em um veículo de recreação (motor-casa) começaram em julho de 2006, nos apaixonamos por este estilo de vida, a família ficou mais unida e ao mesmo tempo livre. Já mudamos de equipamento várias vezes, os motorhomes (motor-casa) sempre foram chamados de SCOOBY, em homenagem ao personagem Scooby-doo. Já o trailer (treiler, em português) tem outro nome, que caracteriza muito bem nossa identidade estradeira:
Turiscar Estradeiro.
Recentemente, vendemos o trailer e compramos novamente um motorhome grande, um Mercedes-Benz 371.

Se quiserem ver fotos do nosso primeiro equipamento é só dar uma olhada no link do nosso primeiro blog:

http://patagoniademotorhome.nafoto.net (fotoblog)

http://patagoniademotorhome.zip.net (blog que descreve nossa viagem à patagonia argentina).

Na paz e no amor...na liberdade!

Atualmente, além de campistas, auxiliamos a venda de veículos de recreação (Motorhomes e Trailers usados). Saiba mais em nosso site: www.luizefrancinimotorhomes.com.br

Saudações Estradeiras!






quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Bariloche: Camping Petúnia

Em San Carlos de Bariloche, após passarmos no SENASA e no mercado para comprar frutas, manteiga, doce de leite, geleia de Rosa Mosqueta e outros itens "básicos ", seguimos para o Camping Petúnia www.campingpetunia.com
 Avenida Exequiel Bustillo, km 13,5:


Camping Petúnia 
Aproveitamos para lavar roupas:
Além do nosso amigo brasileiro, chegaram mais duas casas rodantes do Brasil, uma Camper e uma van com barracas no teto, ambos de Curitiba.
A seguir, algumas fotos do camping que fica à beira do Lago Nahuel Huapi, onde pode-se hospedar também nas cabanas ecológicas, com teto de grama.
Fotos da "praia" do camping:
A única coisa ruim do camping foi o Wi-Fi ineficiente, o que foi terrível para nós, meros mortais, totalmente dependentes desta tecnologia.
Até breve!

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Bariloche: indo ao SENASA




A primeira coisa que fizemos ao chegar em Bariloche  no dia 22/12, foi seguir direto para o endereço do SENASA (Servicio Nacional de Sanidad y Calidad Agroalimentaria), pois já sabíamos que seria necessário emitir um certificado CZI para entrar no Chile, uma vez que o passaporte brasileiro para transporte de cães e gatos não é válido no Chile. O CZI também só é válido para 10 dias. Como nossa viagem é por terra, passando primeiro pela Argentina e só depois indo para o Chile não adiantaria emitir um CZI para o Chile no Brasil. Isso só seria válido se a viagem fosse direto para o Chile de avião.
Outro motivo para irmos ao SENASA logo na chegada à Bariloche é que ele iria fechar no dia 23/12/15, reabrindo somente no dia 27/12/15.
Abaixo a foto do CZI emitido em 3 vias pelo SENASA em Bariloche. Esse documento custou $ 32,00 ARS para cada gata. O passaporte das gatas serviu de base para o preenchimento dos dados no CZI.





Com isso resolvido fomos para para o camping. Mas este assunto vai ficar para a próxima postagem.
Até breve!

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Fronteira Brasil/Argentina: Uruguaiana

No dia 19/12/15, após o almoço, chegamos em Uruguaiana e seguimos direto para a fronteira. Passamos direto pela aduana brasileira, atravessamos a Ponte Internacional sobre o Rio Uruguai e paramos na aduana Argentina que fica na cidade de Pasos de Los Libres.
Foi tudo tranquilo. Seguimos todos os passos. Primeiro carimbamos os nossos passaportes, depois apresentamos a carta verde do veículo e, por último, informamos a entrada dos animais de estimação. Fomos até a sala do SENASA ( Serviço Nacional de Sanidade Agrária) órgão fiscalizador e apresentamos o passaporte da Cristal e Athena. O fiscal  somente olhou o documento, adorou a foto das gatas e liberou a entrada das mesmas, nem sequer solicitou vê-las. Também não pediram para revistar o veículo a procura de alimentos proibidos. Tudo liberado, então seguimos em frente. O objetivo agora era encontrar o adesivo de velocidade máxima 90 km/h da marca 3M aprovado na Argentina. Paramos em 3 postos de combustíveis até encontrar o adesivo. Tínhamos pressa em colar este adesivo, pois os guardas argentinos não aceitam o adesivo brasileiro.
Abaixo a foto do adesivo sendo colado no motorhome:

Tudo certo, contagem regressiva para chegar em Bariloche. 
Até breve,
Abraços campistas!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Viagem Argentina e Chile 2015: início





Estamos no segundo  dia de viagem. Saímos de Curitiba na quarta-feira, final da tarde. Pernoitamos no novo Posto Sinuelo, que fica na BR 101, sentido Barra Velha - SC. Chegamos  em Gramado- RS, onde dormimos no pátio da fábrica de motorhomes Santo Inácio.  Hoje, pela manhã, após fazermos um check-up no motorhome e instalar uma saída de ar para encher os pneus, saímos sentido Nova Petrópolis, Novo Hamburgo, Porto Alegre, sempre seguindo rumo a Uruguaiana-Paso de Los Libres.
A previsão é passarmos a aduana Argentina amanhã, dia 19/12,  antes do almoço.

Até breve!

domingo, 13 de dezembro de 2015

Dicas para camping: Filtro de água portátil e garrafa filtro

Olá, mais uma ótima dica. Sempre que viajamos com a casa sobre rodas, levamos nosso filtro de água portátil na forma de uma jarra. Assim, toda vez que estamos em um camping ou qualquer outro lugar que tenha rede de água potável, ou seja, água tratada em boas condições, então pegamos água diretamente da torneira e colocamos dentro da jarra/filtro. Essa água, após filtrada, pode ir para a geladeira ou não.







































De acordo com o fabricante, apresenta as seguintes características:

Reduz metais pesados e dureza da água
Reduz tri-halometanos
Regulariza o pH da água
Melhora o sabor e reduz odores
Conserva os minerais saudáveis da água
Reduz resíduos químicos, como inseticidas e outros relacionados ao câncer
Excelente Sistema de controle de fluxo de água

Capacidade de armazenamento: 2,5 litros
Fabricante: Purific. Saiba mais em: Tecnologia Purific








































Outra grande companheira do dia-a-dia é essa garrafa:

Squeeze 500 ml
Capacidade para armazenar 500 ml de água; 1 elemento filtrante com capacidade de purificação de até 200 litros de água; Possui infravermelho longo; Reduz bactérias, microrganismos, cloro, odores e sabores; Regula o pH, deixando a água levemente alcalina;

Na prática, a experiência tem sido ótima. Desde quando comecei a usar a garrafa de 500 ml, fiz o teste de pH. Comprei um Kit medidor de pH e o resultado foi realmente uma água pH acima de 7,0 após a filtragem. A água da torneira apresentou um pH mais baixo, ou seja, ácido, em torno de 5,5 a 6,0.
Sabe-se, pela literatura, que o pH ideal da água seria do neutro ao alcalina, ou seja, acima de 7,0. Isto seria o ideal parra equilibrar com a nossa alimentação ácida (café e refrigerantes, por exemplo são ácidos).

Até a próxima,
Saudações campistas!



sábado, 12 de dezembro de 2015

Dicas para camping: lençol secagem rápida e que não necessita passar

A dica de hoje é o lençol de secagem rápida e que não necessita passar. Aleém disso tem toque aveludado e anti-pilling. Super prático, perfeito para a vida de viajantes. E para mim, o melhor de tudo é não precisar passar e realmente não ficar amassado. Fantástico!







A marca é Altenburg e a coleção All Design conta com 6 estampas.







Falando sério, não precisar passar roupa é bom demais. Assim temos mais tempo para realmente curtir as coisas boas da vida.

Até a próxima!

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Passaporte para cães e gatos: dicas para viajar com seu pet

Olá,
Tenho acompanhado o site  Nas Estradas do planeta  www.nasestradasdoplaneta.com.br do casal Carlos Roberto e Gleidys. Eles moram em Teresópolis e também tem um gato viajante, o Fredy.

Eles fizeram uma postagem com dicas preciosas para viajar dentro e fora do Brasil com animais de estimação. Essa postagem me ajudou muito nos preparativos para viajar com as nossas gatas Athena e Cristal para Argentina e Chile.


Foi através dessa postagem que fiquei sabendo da existência do passaporte para cães e gatos, emitido pelo Ministério da Agricultura, Agropecuária e Abastecimento.
http://www.agricultura.gov.br/animal/animais-de-companhia/transporte-internacional

Abaixo link da postagem com todas as explicações:
http://www.nasestradasdoplaneta.com.br/2015/09/viajando-com-seu-animal-de-estimacao.html

Link para o folder do Passaporte para trânsito de cães e gatos:
http://www.agricultura.gov.br/arq_editor/folder%20caes%20e%20gatos-web-final.pdf



O passaporte é um documento oficial, emitido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, não é obrigatório em todos os países, mas poderá ser utilizado em países que o aceitem, como no caso do Mercosul. Não é aceito no Chile, onde permanece obrigatório o Certificado Veterinário Internacional (CVI).
A vantagem principal é a maior agilidade na liberação dos animais nos países onde é aceito.
É fornecido gratuitamente e válido por toda a vida do animal.

Consegui colocar as fotos do folder do passaporte aqui:






Bem, agora vou contar um pouco da minha experiência pessoal para emitir o passaporte da Athena e Cristal em Curitiba.

O primeiro passo para a concessão do passaporte é a identificação eletrônica do animal (microchip).
Então, liguei para algumas clínicas veterinárias para saber se faziam a aplicação do microchip.

Athena e Cristal foram levadas até a Clínica Veterinária Arca de Noé http://aarcadenoe.com.br/, onde receberam o implante do microchip Back Home Bioglass Mini Transponder www.backhome.com.br.



Então, liguei na Unidade de Vigilância Agropecuária Internacional que fica no Aeroporto Afonso Pena e agendei um horário para comparecer com  a documentação exigida (Certificado de Microchipagem, etiquetas com o número do microchip para colar no passaporte,  um atestado veterinário, carteira de vacinação, requerimento para o passaporte preenchido e cópias dos meus documentos pessoais e comprovante de endereço). Athena e Cristal também compareceram na emissão do passaporte para a leitura do microchip. O telefone da Vigiagro (Unidade Aeroporto Internacional Afonso Pena) é 41-3381-1299.

Após uma semana, retornei ao aeroporto para buscar os passaportes. As fotos 5x7 são opcionais, mas fiz questão de colocar no passaporte. Não ficou um charme?





Agora tem mais uma etapa, ufa que maratona!
Com o passaporte em mãos agora é a vez da veterinária das gatas transferir para o passaporte as informações das últimas aplicações de vacinas antirrábica, endoparasitos, ectoparasitos. Tudo assinado e carimbado com o CRMV.

 Por fim, já agendei, um dia antes da viagem, para levar o passaporte para que seja assinado e carimbado a autorização de saída das nossas peludas.

No caso da nossa viagem: o passaporte vai ser útil no Uruguai e Argentina.
Para entrar no Chile, vamos necessitar obter o CZI (Certificado Zoossanitário Internacional). Segundo a unidade Vigiagro, o CZI emitido para o Chile tem validade de apenas 10 dias. Como nós vamos demorar mais de 10 dias para entrar no Chile, teremos que requerer na Argentina o CZI para entrar no Chile. Vamos ver no que vai dar isso.

Atualizando a etapa final de nossa experiência em Curitiba: 
• Fomos muito bem atendidos pelos veterinários da Vigiagro (Unidade Aeroporto Afonso Pena), tanto por telefone para agendamento quanto pessoalmente; na sala deles há uma copiadora em caso de necessidade de tirar cópia de algum documento, sem cobrar nada por isso;

• Atentar para que a data da aplicação do ecto e endoparasitológico seja máximo 15 dias antes da viagem. Ou seja, no caso do Mercosul, de 15 dias para menos, não mais. Isso tudo com carimbo, assinatura da veterinária particular;

• O Veterinário da Vigiagro vai checar todas as anotações feitas pelo veterinário particular do animal e vai validar, ou seja, oficializar a saída do país, na página 30 do passaporte.

•  Desistimos de entrar pelo Uruguai para andar apenas umas 5 horas por lá até a fronteira com a Argentina porque eles pedem atestado contra Leshmaniose. Vamos deixar para fazer isso quando realmente formos passear pelo Uruguai, esta será outra viagem.

• Já para entrar no Chile, estamos com tudo agendado. Como vamos ficar 5 dias em Bariloche e de lá seguir para a fronteira com o Chile, ligamos para uma Clínica Veterinária e já marcamos uma consulta para obter um atestado de saúde para Athena e Cristal. Em seguida,  vamos até o órgão de fiscalização Argentina (SENASA) www.senasa.org.ar também em Bariloche para emitir o CZI para o Chile.


Tudo é um tanto confuso, mas aos poucos está dando certo. Só precisa planejar com antecedência.


Todo esforço vale a pena para ter nossas queridas gatinhas viajando de motorhome conosco.


Até a próxima!




domingo, 6 de dezembro de 2015

Motorhome dos sonhos

Ficamos 3 meses sem motorhome, o que foi difícil porque "nossa vontade de viajar não é passageira", risos.
Mas, em setembro fomos buscar nossa casinha rodante na fábrica que fica em Gramado/RS.
É muito gostoso ver que tudo ficou do jeitinho que sonhamos.
Abaixo, compartilho a foto desse dia especial.

Como ainda trabalhamos, estamos sempre programando viagens curtas todos os meses. A nossa meta é sair com o motorhome sempre uma vez por mês. As viagens longas ficam para julho ou dezembro.
Atualmente, estamos em contagem regressiva para a viagem longa, com destino Argetina e Chile.

Faltam apenas 10 dias para a nossa partida.

Até breve.

sábado, 5 de dezembro de 2015

Dicas de acessórios para camping: toalha de secagem rápida

Olá,
Quero compartilhar aqui uma super dica que facilita a vida de qualquer viajante, seja de motorhome,  trailer, barraca ou mesmo quando vamos visitar um parente e queremos levar a nossa própria toalha de banho na mala para dar menos trabalho ao nosso anfitrião.

Essas toalhas de banho são super leves, compactas para serem levadas em malas, secam rapidamente quando lavadas e, acima de tudo, são suaves ao toque e secam muito bem a pele. São ideais também para praia e piscina.

Eu gostei tanto dessas toalhas que já tenho uma coleção, rs.

Essas da fotos abaixo são de microfibra, marca Nabaiji. Foram compradas na loja Decathlon.





Também encontrei a coleção de toalhas Dry Fit da marca Altenburg, as quais comprei na Havan e Lojas Daju, em Curitiba.




As toalhas da Altenburg também são muito bonitas e coloridas, com estampas variadas de um lado e lisas no avesso.

Compactas, duráveis, versáteis, mega absorventes e de secagem rápida. Gostei tanto que as tenho na casa sobre rodas e  também na casa fixa. 

Vale a pena. Fica a dica!
Até a próxima,
Saudações Estradeiras!